domingo, 19 de abril de 2015

O problema do teste de Singapura

De repente, não se fala de outra coisa...
Num exame para miúdos de 14 anos, em Singapura, saiu o seguinte problema:


Albert e Bernard ficaram amigos de Cheryl, e querem saber a data do seu aniversário. A Cheryl faz uma lista de 10 datas possíveis

Maio: 15, 16, 19
Junho: 17, 18
Julho: 14, 16
Agosto: 14, 15, 17

e diz, separadamente, a Albert o mês do seu aniversário e a Bernard o dia.
Albert diz: não sei qual é o dia, mas sei que o Bernard também não sabe.
Bernard diz: inicialmente, não sabia, mas agora já sei.
Albert conclui: então também sei!
Qual é a data de aniversário de Cheryl?

(solução segue dentro de momentos...)

Vamos então a isso!
Albert diz: não sei qual é o dia, mas sei que o Bernard também não sabe.
Albert sabe o mês. Se o mês fosse Maio ou Junho, não podia ser peremptório relativamente ao facto de Bernard também não saber, pois em Maio há o dia 19 e em Junho o dia 18, que só ocorrem nesses meses. Então o mês é Julho ou Agosto.
Bernard diz: inicialmente, não sabia, mas agora já sei.
Bernard sabe o dia. Se fosse 14, não podia saber a data, pois podia ser em Julho ou Agosto. Assim, é 16 de Julho ou 15 ou 17 de Agosto.
Albert conclui: então também sei!
Então é 16 de Julho, pois se fosse um dia de Agosto ainda restariam duas possibilidades para a data!

1 comentário:

  1. Estes problemas simples revelam às vezes situações curiosas: há algumas pessoas que sabem "quanto dá", mas não sabem explicar porquê. Isto não é pensamento computacional,

    ResponderEliminar